Ousadia e Decoração


Ousadia e Decoração

Sempre que alguém me fala que gostaria de algo “Ousado” eu me pergunto sobre “que tipo de ousadia essa pessoa é capaz de conviver?”. Também me questiono sobre o que a palavra “Ousadia” significa para esta pessoa, afinal, o que é ousado para uns é antiquado para outros.


Adoro ver em amostras, revistas, blogs e afins atribuírem ousadia à algum “estilo”, ou à objetos de design ou à elementos que acreditam que possam chocar outras pessoas...tipo....deixe-me pensar...huuum.....algo como uma foto de uma senhora vestida à inglesa, sentada numa banqueta, com as pernas descruzadas, uma long neck numa das mãos e com a outra erguendo o dedo do meio....(ein?!!!). Mas....não acredito que isso possa conferir qualquer grau de ousadia....talvez rebeldia ou “rabugentisse” pura, mas não consigo enxergar isso como ousadia.

Prefiro pensar em ousadia muito mais como uma forma de viver e ver as coisas do que qualquer atribuição à moda (no seu mais amplo sentido de uso), ou à “bens materiais” ou um posicionamento político. Talvez, tudo isso possa vir como uma consequência, mas não como a origem. Infelizmente, a cultura POP nos trouxe essa distorção sobre pessoas ousadas, pois acabou vinculando ousadia muito mais ao que as pessoas parecem do que elas realmente são. Usar uma camiseta dos Ramones (para os não fãs) atribui que aquela pessoa é contestadora, “rocker” e cheia de atitudes....mas em sua grande maioria somos todos “normais”.

Acredito que a ousadia está na forma das pessoas serem sem se preocupar com o que qualquer outra pessoa possa pensar. Viver do seu jeito. Construir a sua estética. Planejar seu caminho. Normalmente, as que conseguem colocar isso em prática são vistas como excêntricas ou esquisitas e sofrem muito por isso, pois o caminho se torna muito mais difícil. Estas “fora de padrão”, somente são compreendidas quando a sua excentricidade vira moda....afinal, grafiteiros e tatuados já foram vistos como marginais e desajustados e, hoje, temos grafiteiros vendendo suas obras por milhões de dólares e todo o tipo de pessoa colecionando tatuagens como se fossem figurinhas.

Mas o que isso tudo tem a ver com decoração e arquitetura? Eu digo....Tudo!!!

Para mim, arquitetura e decoração ousada é aquela que reflete a personalidade do seu usuário (e não do seu criador)...daquele usuário que pouco se importa com o que é moda, grife ou certo...aquele usuário que se importa somente com aquilo que lhe fará feliz e lhe proporcionará um ambiente de viver e conviver maravilhoso, e o permitirá ser quem ele acredita ser....seja você o dono ou o que frequenta.

...mas, talvez, isso seja apenas a minha opinião ou a minha forma de ver este tema....e para você, isso pouco importa.

Obrigado por ler até aqui.

Maurício Aurvalle.

- Arquiteto e artista visual -

#Decoração #Opinião #Comportamento #Pensamentos #Interiores #Arquitetura #TextosMaurícioAurvalle

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo